terça-feira, 12 de março de 2013

Inaugurado em Canoas Cartório Especializado para Vítimas de Homofobia e Racismo

Paula Vinhas


mais fotos

"Para além da liberdade de definir obras, de dispor de um contato semanal direto com os gestores públicos, a garantia da liberdade e o direito sagrado de povo é o que nós queremos, merecemos e estamos contribuindo para conquistar nessa gestão". A afirmação foi realizada pela prefeita em exercício Beth Colombo, durante a solenidade de inauguração do Cartório Especializado para Vítimas de Homofobia e Racismo, realizado no início da tarde desta segunda-feira, 11, na 3ª Delegacia de Polícia de Canoas.

Na ocasião, o titular da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Cidadania, Guilherme Pacífico, elogiou o papel das coordenadorias municipais e da delegada Sabrina Deffente na atuação pela criação do cartório. "Foi uma medida corajosa e de conhecimento técnico, aliada à gestão integrada, representada aqui por nossa prefeita Beth Colombo. Nós estamos no caminho certo", nota.

O ato também marcou a reinauguração do Cartório Especializado em Crimes de Maus Tratos Contra Animais, que se soma aos cartórios já existentes, de atendimento à pessoa idosa e à pessoa com deficiência. "A Polícia Civil foi sensível a um trabalho marcado pelo diálogo, que teve início com a criação das coordenadorias", salienta o vereador Paulo Ambieda, o Paulinho D' Ode, primeiro coordenador municipal de Políticas para as Diversidades.

Atendimento qualificado

Com o novo cartório, as ocorrências relativas a esses segmentos vão poder ser feitas em qualquer delegacia da cidade, que serão encaminhadas à 3ª DP de Canoas. Atualmente, não há no Estado nenhum acolhimento especializado na área de segurança pública para esses segmentos. O cartório também vai atender casos de preconceito religioso. "Em parceria com as coordenadorias também realizaremos um trabalho preventivo de orientação junto as escolas", acrescenta a delegada Sabrina.

O atendimento é realizado no 2º andar da 3ª DP de Canoas - 3ª DP - Rua Dr. Sezefredo Azambuja Vieira, 2730, no expediente desta - 8h30 às 12 horas e 13h30 às 18 horas. De acordo a delegada Sabrina, o atendimento será realizado por meio de denúncias no local ou por meio de outras delegacias, que vão ser encaminhadas à 3ª DP. No caso de denúncias anônimas, estas serão checadas pela equipe de investigação. No cartório, dois funcionários vão realizar atendimento individual e especializado. 

A revelância do novo cartório também foi destacada por autoridades públicas estaduais e locais, como o deputado Estadual Nelson Luis da Silva, o Nelsinho Metalúrgico. Ele relacionou o momento nacional, no qual avalia que as minorias têm tido uma atenção especial, com o protagonismo local. "Canoas tem se projetado com um trabalho humanizado e integrado da administração municipal com as polícias", observa.

Construção coletiva

A criação do Cartório Especializado para Vítimas de Homofobia e Racismo vem sendo encaminhada desde o início deste ano pela delegada Sabrina Deffente, da 3ª Delegacia de Polícia Civil de Canoas, com o apoio da Prefeitura de Canoas, por meio das coordenadorias municipais e da Secretaria Municipal de Segurança Pública e Cidadania. Marcaram presença no encontro lideranças civis de segmentos que vão ser contemplados pelo novo serviço, como a Mãe Rose, do Uniaxés.

Também participaram da solenidade os chefes de Gabinete do Prefeito Jairo Jorge, Marta Rufato e Ademir Jorge, a secretária executiva do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGI-M), Telassin Lewandowski; os coordenadores municipais de Igualdade Racial, Sidiclei Mancy, de Diversidades, Rogério Ambieda (Tigre), de Revitalização do Centro, Paulo Carvalho, da Pessoa com Deficiência, Manoela Fortes e da Pessoa Idosa, Neusa Santos, e o titular do Escritório de Captação de Recursos (ECR), Paulo Acinelli.

Prestigiaram ainda o ato o Major Duarte, do 15.º BPM, o presidente da Câmara de Vereadores de Canoas, vereador Juares Carlos Hoy (PDT), e os vereadores César Augusto Ribas Moreira (PRB), José Francisco Nunes (PSB), Paulo Rogério Ambieda - Paulinho D' Ode (PT) e Cezar Paulo Mossini (PMDB), entre outras autoridades locais da áreas de segurança e justiça local.

Outras declarações:

"Essa rede que está sendo criada é um grande avanço para a nossa cidade."
Rogério Ambieda (Tigre), coordenador municipal de Diversidade

"Somos um país laico e democrático, em que todas as formas de preconceito devem ser combatidas nos rigores da lei. A criação desse cartório representa a qualificação dos serviços de nossa polícia judiciária."
Eduardo Azeredo, diretor da 2ª Delegacia Regional Metropolitana

"Esse cartório vai ao encontro das políticas do PRONASCI, que concedem especial atenção aos grupos vulneráveis."
Delegada Sabrina Deffente


Crédito da notícia: Ronaldo M. Botelho

Nenhum comentário:

ESTAMOS DE OLHO!

Pesquisa do Senado sobre a PLC 122/06 que criminaliza a HOMOFOBIA:

Os resultados da pesquisa de opinião realizada pelo Senado Federal a respeito da PL 122/06, que criminaliza a homofobia e outros crimes de discriminação, ainda não foram divulgados.

Isso nos preocupa um pouco, na medida em que os resultados acompanhados em tempo real pelo site, durante o mês de novembro, em vários momentos retrocederam em números reais.
Órgãos da imprensa noticiavam tentativa de invasão e possíveis alterações dos resultados (favorecendo o NÃO ao projeto).
Mandamos - novamente - mensagem ao "Alô Senado" esta semana para saber o que realmente ocorreu e ficaremos acompanhando suas respostas já que este projeto, além de interesse público geral, é de interesse específico das mulheres lésbicas de todo o país.

PESQUISA - divulgação de resultados

PESQUISA - divulgação de resultados
02 locais e horários diferentes em Porto Alegre, dia 11-05

Feministas unificam apresentação da pesquisa!

A apresentação da pesquisa "Mulheres Brasileiras nos espaços Públicos e Privado" será apresentada para TODO O MOVIMENTO FEMINISTA num único horário em POA:
11-05, das 9 às 11h30, no Auditório da CUT-RS.

Adote esta campanha!

Adote esta campanha!
Acorda Congresso!

Pela Aprovação do PLC122/06

Pela Aprovação do PLC122/06
Vote a favor do projeto pelo link http://www.naohomofobia.com.br/

16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres

16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres
16 dias de ativismo

Homens pelo fim da Violência contra as mulheres

Homens pelo fim da Violência contra as mulheres
http://www.homenspelofimdaviolencia.com.br/

SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

MANIFESTO LÉSBICO FEMINISTA ANTI-CAPITALISTA

29 de Agosto de 2008
Cique AQUI para acessar