quarta-feira, 2 de novembro de 2011

ESTADO LAICO JÀ! Discussão pega fogo

Na última semana estivemos no meio de um turbilhão de notícias em função da inicitiva de pedir a "Retirada de Símbolos Religiosos de espaços Públicos".
Estivemos em matéria do Jornal do Almoço, Zh de Domingo, Conversas Cruzadas na TvCOm e Hj no programa Polêmica da Rádio Gaúcha.
Importante esclarecermos algumas coisas: a iniciativa da petição é da LBL, em conjunto com outras entidades (Marcha Mundial das Mulheres, Grupo Somos, Rede Feminista de Saúde, Nuances, Themis) e referendada por DUAS Conferências Estaduais (LGBT - 350 delegad@s e Mulheres - 1000 Delegadas).
Assim, não se trata, como dito hoje, de revangismo LÉSBICO contra a aprovação de projetos para nossa população - se bem que este já seria um motivo interessante!
Funamos nosso pedido no princípio Constitucional (e SECULAR) do Estado LAICO - da SEPRAÇÃO entre Estado e Religião, única forma de garantirmos as liberades religiosas, sem distinção favoreimento ou desfavorecimento de um crença sobre as outras por parte do Estado.
As paredes de REPARTICÕES PÚBLICAS não são para uso PRIVADO. Isso inclui Câmaras Legislativas, reparticções e órgão Públicos, Tribunais e salas de audiências, Escolas, Teatros públicos, enfim, todo o aparato de ESTADO.
Não queremos derrubar o Cristo Redentor ou mudar o nome de Cidades como São Paulo, Santa Cruz ...
Não queremos a proibição do uso de símbolos em templos, igrejas, centros religiosos....
Não queremos impedir marchas ou procisões religiosas... Tudo isso ATENTARIA ao estado LAICO.

Também não queremos um estado ATEU - que proiba as religiões.
Queremos APENAS o cumprimento do preceito Constitucional, discutido desde a Constituição Republicana de 1891!

As perguntas no programa deveriam ter sido: Devemos RESPEITAR o Estado Laico ou Transigir em relação a colocação de símbolos em repartições públicas?

Tvz o Score fosse diferente!
Assinem a petição, que será entregue na Câmara no próximo dia 07-11, 9hs da manhã!
PATIÇÃO ESTADO LAICO!

Nenhum comentário: