sábado, 15 de outubro de 2011

Jovens Lésbicas Agredidas em Supermercado de Porto Alegre

No final da tarde desse domingo, Carmel, 23 anos, e a Luísa, de 22, de Porto Alegre, foram agredidas no supermercado Zafari no bairro Ipiranga, na capital gaúcha, enquanto saiam do local. As mulheres que vivem juntas haviam feito compras no local e estavam abraçadas quando uma cliente disse "que nojo!" enquanto o casal passava por ela. As duas interceptaram a mulher e foram tirar satisfação. Elas alertaram que preconceito é crime pela legislação estadual gaúcha e pediram para ela repetir o que falou. A mulher, ainda não identificada, com aproximadamente 50 anos de idade, repetiu a ofensa e a discussão virou uma briga. Dois homens e a mulher passaram a agredir fisicamente o casal de lésbicas com socos, pontapés e puxões de cabelo. Um segurança do local chegou a segurar uma das lésbicas, enquanto os outros batiam na companheira.


A confusão foi registrada na mesma noite pelo casal de lésbicas na 10ª delegacia distrital de polícia de Porto Alegre, na forma de um boletim de ocorrência. O estabelecimento se comprometeu a fornecer imagens das agressões e dados que possam identificar os agressores.

fonte/detalhes:

http://www.feminismo.org.br/livre/index.php?option=com_content&view=article&id=6285:jovens-lesbicas-sao-agredidas-em-supermercado-de-porto-alegre&catid=140:mulheres-lesbicas&Itemid=547


================

A LBL-RS participou na quinta-feira de uma reportagem na rede Bandeirantes de televisão que abordou a agressão. Estamos de olho para ver se a lei será cumprida, já que homofobia e lesbofobia são CRIMES no estado do RS, conforme a Lei 11.872/2002, do Estado do Rio Grande do Sul:


"Art. 1º - O Estado do Rio Grande do Sul, por sua administração direta e indireta, reconhece o respeito à igual dignidade da pessoa humana de todos os seus cidadãos, devendo, para tanto, promover sua integração e reprimir os atos atentatórios a esta dignidade, especialmente toda forma de discriminação fundada na orientação, práticas, manifestação, identidade, preferências sexuais, exercidas dentro dos limites da liberdade de cada um e sem prejuízos a terceiros.

Nenhum comentário:

ESTAMOS DE OLHO!

Pesquisa do Senado sobre a PLC 122/06 que criminaliza a HOMOFOBIA:

Os resultados da pesquisa de opinião realizada pelo Senado Federal a respeito da PL 122/06, que criminaliza a homofobia e outros crimes de discriminação, ainda não foram divulgados.

Isso nos preocupa um pouco, na medida em que os resultados acompanhados em tempo real pelo site, durante o mês de novembro, em vários momentos retrocederam em números reais.
Órgãos da imprensa noticiavam tentativa de invasão e possíveis alterações dos resultados (favorecendo o NÃO ao projeto).
Mandamos - novamente - mensagem ao "Alô Senado" esta semana para saber o que realmente ocorreu e ficaremos acompanhando suas respostas já que este projeto, além de interesse público geral, é de interesse específico das mulheres lésbicas de todo o país.

PESQUISA - divulgação de resultados

PESQUISA - divulgação de resultados
02 locais e horários diferentes em Porto Alegre, dia 11-05

Feministas unificam apresentação da pesquisa!

A apresentação da pesquisa "Mulheres Brasileiras nos espaços Públicos e Privado" será apresentada para TODO O MOVIMENTO FEMINISTA num único horário em POA:
11-05, das 9 às 11h30, no Auditório da CUT-RS.

Adote esta campanha!

Adote esta campanha!
Acorda Congresso!

Pela Aprovação do PLC122/06

Pela Aprovação do PLC122/06
Vote a favor do projeto pelo link http://www.naohomofobia.com.br/

16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres

16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres
16 dias de ativismo

Homens pelo fim da Violência contra as mulheres

Homens pelo fim da Violência contra as mulheres
http://www.homenspelofimdaviolencia.com.br/

SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

SEMANA DA CONSCIÊNCIA NEGRA

MANIFESTO LÉSBICO FEMINISTA ANTI-CAPITALISTA

29 de Agosto de 2008
Cique AQUI para acessar